terça-feira, 6 de dezembro de 2011

O Sonho...

O futuro constroi-se com ambições e sonhos, a Guarda já deixou de sonhar. Parou!

Fácil é... Culpar o executivo da Câmara Municipal da Guarda pela falta de sonhos. O executivo foi legitimado em eleições para governar por 4 anos os destinos do nosso concelho.

Difícil é... sentirmo-nos culpados pela falta de sonhos, de ambição. Não creio que a cidadania se exerça somente de 4 em 4 anos, depositando um voto na urna eleitoral.

Ser cidadão activo é sonhar com o que ambicionamos para a nossa região e, o mais difícil, fazer com que os outros também sonhem. Sonhar e agir, assim o deveriamos ser.

Chegou o Natal, para as crianças é uma época de sonhos e esperanças, e para nós adultos?

Penso que é a época ideal para comprar sonhos, comprar do que melhor se faz na nossa região.

Eu sonho com um concelho dinâmico, que apoia o seu empreendedor, que apoia quem cá vive e quem cá produz.

Lembrem-se das nossas potencialidades turísticas, da nossa gastronomia, dos nossos enchidos e queijos, do nosso artesanato. Lembrem-se da nossa cultura e tradição.

Eu sei lá, simplesmente, sonhem!

Somos Guardenses, habitantes da cidade mais alta de Portugal, somos os cinco F's: Farta, Forte, Fria, Fiel e Formosa.

Por favor, sonhem! Sonhem que somos grandes.

Até um próximo post!

Sem comentários: